segunda-feira, 20 de julho de 2009

Eu Sou Um Desejo do Jack


Seguindo o meu post no flog continuo meus relatos sobre o Playmobil.

Eu queria ser um playmobil, sabe, aqueles bonecos que eram sensação na década de 80/90? eles vieram bem antes dos LEGO tomarem conta, eram lançados pela Estrela, a pouco tempo entrei em uma dessas lojas de brinquedos e tinha uns lá, super caro, fiquei apaixonado por um em tamanho gigante que tem em frente a uma loja em um dos shoppings de Natal,mas onde quero chegar nisso?

Existe a Teoria do Playmobil que nada mais é do que seguir essa tagline:
"Nada do que possa acontecer vai tirar esse sorriso do meu rosto!"


eu já explodi muitos dos meus playmobis (será q é assim o plural deles?) junto de vários G.I. Joe, também conhecidos como Comandos em Ação, ao contrário dos outros bonecos os queridos Playmobil continuavam a sorrir, quando meu cachorro destruiu uma nave do meu playmobil astronauta eu olhei pra ele e lá estava aquele sorriso estampado no rosto, quando meu playmobil médico foi demitido por não ter conseguido salvar a vida do Falcon do meu primo estava lá ele com um sorriso, quando o playmobil policial foi morto pelo playmobil presto estava ele com um sorriso estampado na sua cara, mas que bonequinhos guerreiros, não acham?



Não adiantava quão difícil eu tornava a vida dos playmobis, ele estavam lá com seus sorrisos estampados, nada os afetava, seriam eles o suprassumo da Mentalidade Positiva tão em voga no P.M.A. ou apenas brinquedos retardados?

Nós sempre tendemos a nos entristecer quando a merda aumenta, um amigo meu sempre falava "Merda, só presta grande!" e também sempre fui adepto da grande filosofia de vida "Shit Happens" (Merda Acontece!) e esperar o pior das coisas nada mais é do que uma forma de se proteger, como um escudo mesmo, igual a pessoas que tendem a viver rindo e fazendo piadinhas.

No fundo eu odeio aquelas pessoas super-felizes que sempre veem uma forma "positiva" de ver uma merda, mas, ironicamente, nunca odiei meus playmobil, sempre curti eles se pá foram os melhores brinquedos criados por alguém, Lego é legal, mas playmobil...deveras mais divertido, lembro-me que "herdei" de um tio meu quase uma cidade desses pequenos idiotinhas felizes, era muito legal brincar com eles, só perdiam de figuras de ação (hohoho tinha que usar esse termo!) e aos poucos eu fui crescendo e parando de brincar com bonecos, conheci os video-games e daí nuinca mais tive o prazer de brincar com bonecos (ou figuras de ação!).

Eu hoje vejo que eu queria ser um Playmobil, não teria polegares e não poderia fazer várias coisas, não possuiria cotovelos e por isso não poderia mexer muito meus braços, não teria joelhos e pra correr seria uma merda, minhas pernas seriam grudadas e não poderia jogar bola, mas também, nunca fui fã, mas, tantes um playmobil sem joelhos do que um LEGO que possui as pernas fechadas e nunca vão conseguir fazer sexo, mas mesmo tendo várias deficiências que tornariam minha vida um inferno ou algo perto dele, eu estaria bem, com um sorriso no rosto mostrando a todos os outros brinquedos do armário que eu estou feliz.

Mostraria ao Gambit que mesmo sem aqueles músculos eu era feliz
Mostraria ao Seiya que mesmo sem armaduras de aço que se desmontam facilmente, eu era feliz.
Mostraria ao Hawk dos G.I. Joe que mesmo sem aquelas armas eu seria feliz.
Mostraria ao Marte dos Cybercops que mesmo sem um corpo de vinil inquebrável eu era feliz.
Mesmo sendo baixinho demais pra se casar com a FIGURA DE AÇÃO (pois homens não tem bonecas e sim FIGURAS DE AÇÃO FEMININAS) da Elektra eu seria feliz.

Eu REALMENTE queria ser um Playmobil.

um cara com membros estáticos e sem nariz muito feliz que não para de sorrir e não desiste.

E lembrem-se crianças: Merda Acontece! Mas sempre existe um alguém estúpido para você poder rir!
:D

















3 comentários:

trotamundos disse...

As vezes eu também queria ser um playmobil!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

amandie disse...

sempre existe alguém estúpido pra você rir... é verdade, estou rindo de você agora! :P

Juliana Dantas disse...

ehrr...tipo. não queria admitir mas acho que a estúpida sempre sou eu hehehe. Adorando esse bróg. adorando as postagens, parabéns!