quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

Contos Niilistas : Eu Encontrei Jesus

Alguém: E aí que ela te deixou?
Eu: É...
Alguém: E como você está?
Eu: Eu encontrei Jesus, cara.
Alguém: Você virou crente?

Eu: Não, eu estava voltando pra casa e quando virei a esquina encontrei Jesus, ele é um mendigo que mora do lado direito da Igreja, vive bêbado... Tinha um grupo de crianças brincando do lado sabe, andando de bicicleta e ele disse "Vinde a mim as criancinhas".

Alguém: E isso de alguma forma mudou você?

Eu: Não! Eu chamei a polícia, isso é mó papo de pedófilo.

Alguém: e o que isso tem a ver com o que começamos a conversar?

Eu: Enquanto a polícia espancava ele eu percebi nos seus olhos semi-abertos a felicidade que aquele homem que não tomava banho a no mínimo uns 22 dias sentia, não era porque hoje ele tinha comido, não era porque a Josefa, mendiga que mora na praça ás vezes fazia sexo oral nele, era porque ele estava tão bêbado que não sentia dor.

Alguém: Isso é doentio, não sei onde você quer chegar.

Eu: Que eu tenho que voltar a beber, a vida é bem mais fácil de se tragar quando se está inconsciente.




3 comentários:

Rafaele disse...

Medidas extremas para situações extremas!
Tudo comedido é mais benéfico...ou não.

zozimo disse...

cômico se nao fosse trágico
=x

Juliana D. disse...

Olha, acho que Jesus é um cara legal e quer que você volte a beber também.